Resultados de exames
Logo Hpari
Tel: 55 11 3322-6500
Publicações Atuais
Queilectomia associada às osteotomias de Watermann e Moberg percutâneo para o tratamento do hálux rígido Queilectomia associada às osteotomias de Watermann e Moberg percutâneo para o tratamento do hálux rígido
BE Queilectomia associada às osteotomias de Watermann e Moberg percutâneo para o tratamento do hálux rígido

Objetivo: Avaliar os resultados clínicos e funcionais de pacientes submetidos ao tratamento cirúrgico do hálux rígido pela técnica percutânea, através da queilectomia, associada às osteotomias de Watermann e Moberg.

Métodos: Foram comparados, entre maio de 2017 e agosto de 2018, os resultados clínicos de 7 pacientes com diagnóstico de hálux rígido (HR), operados pela técnica percutânea, por meio da mensuração da escala AOFAS (American Orthopaedic Foot and Ankle Society), da Escala Analógica Visual de Dor (EVA) e da amplitude de movimento articular metatarsofalangiana do hálux, nos períodos pré e pós-operatório. Os resultados clínicos e funcionais se deram com seguimento mínimo de 6 meses (média de 8 meses).

Resultados: A amplitude de movimento da articulação metatarsofalangiana no período pré e pós-operatório apresentaram os seguintes resultados: a dorsiflexão variou, na média, de 28,00º (±15,63) para 44,43º (±17,33) (p=0, 006), demostrando ganho efetivo de movimento articular dorsal. Já a flexão plantar variou, na média, de 27,43º (±2,22) para 24,43º (±5,28) (p=0,228), sem diferença relevante nos períodos avaliados. Em relação ao AOFAS, variou, na média, de 52,71 (±9,63) para 88,00 (±8,10) (p<0,01), representando importante melhora funcional. Quanto à EVA, na média, de 7,00 (±1,52) para 2,14 (±2,19) (p=0,002), observando melhora significativa no quadro álgico dos pacientes. Nenhum caso apresentou complicações pós-operatória.

Conclusão: Os resultados do presente estudo demonstraram que a queilectomia associada às osteotomias de Watermann e Moberg, de forma percutânea, são efetivas no tratamento cirúrgico do hálux rígido, auferindo resultados clínicos e funcionais satisfatórios.
Nível de Evidência IV; Estudos Terapêuticos; Série de Casos.

Descritores: Hálux rígido; Articulação metatarsofalangiana; Procedimentos cirúrgicos minimamente invasivos; Osteotomia.

Confira o artigo completo no PDF

Publicações Atuais

Hospital do Pari - contato@hpari.com.br - Tel: 55 11 3322-6500